Superar o medo do sol escuro.

POEMA: SUPERAR O MEDO DO SOL ESCURO.

Superar o medo do sol escuro.

 

Prenúncio do medo chegando,

Porque está chegando o sol escuro,

Em mais uma manhã

De todos os dias.

Como superar este tipo de medo,

Que se alimenta da matéria escura

De todos os dias?

sol escuro

Imagem: Pixabay

 

Pois, quanto mais matéria escura,

Mais o sombrio horroriza

A paisagem de todos os dias.

 

Os olhos arregalando,

As unhas se roendo.

Coração perdendo o ritmo.

Sinal do sol escuro

De todos os dias.

 

Cuidado então, meu ser, com o sol escuro

De todos os dias.

Nasce como uma inexpressiva pinta na pele.

Ninguém observa, entretanto, seu extraordinário crescimento

Durante as noites e os dias

De todos os dias.

 

Por isso que meu peito tem andado murcho.

O corpo encurvado.

Tenho me achado um bagaço,

De forma a não merecer qualquer abraço.

 

Andando assim tão cabisbaixo,

Por causa do sol escuro,

Daqui a pouco cairei ladeira abaixo.

 

Quem está no bagaço,

Corre o perigo de ir para o espaço,

De forma a se juntar a outro perigo.

Aquele de criar diversos barracos.

 

Porém o sol escuro desaparece

Caso aprecie com prazer o deslumbrante sol claro ou reluzente

Que enfeita a paisagem de todos os dias.

 

Somente assim pode superar o medo do sol escuro,

Que rouba a energia da beleza que há no abençoado dia.

 

 

 

Superar o medo do sol escuro. Poema de Bomani Flávio.

 

 

Brasília, DF, em 06 de fevereiro de 2020.

 

 

Clique aqui para curtir a página no facebook

Clique aqui para curtir a página no instagram

 

Quebre a tristeza no amanhecer.

Em tempos de cataclismo, vire um lobisomem.

O oceano.

Olhar de cachorro.

Teoria do ovo: o viver por dentro e o viver por fora.

Deixe uma resposta